Newsletter
Arte & Cultura
12 set 2017

Sofia Coppola faz versão feminista de clássico dos anos 1970 em seu novo filme

Um homem preso num internato com mulheres atraentes. Paraíso masculino? Sofia Coppola o transforma em pesadelo em seu novo filme, “O Estranho que Nós Amamos”, com Nicole Kidman, Kirsten Dunst e Elle Fanning.

A atmosfera é de conto de fadas, mas o novo filme de Sofia Coppola, O Estranho que Nós Amamos, está mais para um suspense, quase terror. Durante a Guerra de Secessão, Martha (Nicole Kidman) mantém um internato para meninas no sul dos Estados Unidos, onde ela e Edwina (Kirsten Dunst) educam cinco meninas meio apáticas, até o dia em que a jovem Amy (Oona Laurence) encontra o soldado John McBurney (Colin Farrell) ferido na floresta e o leva para a casa.

 

    See now, buy now
    Betty Rasheed
    0 Comentários
    Deixe seu comentário
    * Preenchimento obrigatório. Seu email não será divulgado. Para usar avatar, cadastre-se com seu email em Gravatar.com
    Comente pelo Facebook
    YouTube
    Se Inscreva no Canal
    Voltar para o Topo
    Instagram
    @scapethelook

    Editado por

    Betty Rasheed

    Betty Rasheed é graduada em Jornalismo pela PUC-Campinas. Ao longo de sua carreira, acumulou experiências em empresas Nacionais e Internacionais. Na última, permaneceu por 18 longos anos tornando-se uma expert na organização de todos os tipos de eventos, o que a motivou a criar uma empresa de assessoria e cerimonial. Hoje, não sente sequer saudades do mundo corporativo.

    Leia Mais